Sites Grátis no Comunidades.net
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Ultimas Atualizações
Orixás  (07-08-2015)
O Dom da Cura  (05-08-2015)
Contactos  (04-08-2015)
Início  (03-08-2015)
Tronqueira  (31-07-2015)
Casamento Na Umbanda  (30-07-2015)
Exé Sete Encruzilhada  (30-07-2015)
Sincretismo Religioso  (30-07-2015)
Votação
VOCE ACREDITA EM ESPIRITOS
SIM
NÃO
Ver Resultados


Rating: 2.7/5 (164 votos)




ONLINE
1





Partilhe este Site...




Orixás
Orixás



 

 

ORIXÁS

 

A cada Orixá está associada uma personalidade e um comportamento diante do mundo e com seus filhos, os quais são seus protegidos e uma parte das emanações do Orixá presentes no Orí ou Camatuê (Camatua) desses filhos.

Orixá, dentro do culto Umbandista (de uma maneira geral) não são incorporados (não se incorpora o fogo de Xangô, os ventos de Iansã, as águas doces de Oxum ...).  O que se vê dentro dos vários terreiros, centros, tendas etc, são os Falangeiros dos Orixás, os caboclos (ou também conhecidos como encantados); ou seja, espíritos (não reencarnacionais) de grande luz espiritual que vêm trabalhar sob as Ordens de um determinado Orixá.

                     

OXALÁ 

Pai de todos os orixás, rei da criação, comanda todos os outros orixás, para que nada fuja do seu controle, tudo passa por sua mão, sincretizado com JESUS CRISTO. Oxalá é representado pela cor branca, que também é associada a tudo o que se refere a Umbanda.

Para Oxalá, o branco significa a serenidade, a calma, o silêncio, indicando que ele não gosta de violência, disputas ou barulho, assim como não gosta de cores fortes.

Oxalá é homenageado por todos os praticantes e cultuado como a figura do pai, demonstrando sabedoria e autoridade, mas também é sensível e tem a capacidade de demonstrar sua força, poder e conhecimentos sem usar de violência – através da argumentação.

Na Umbanda não há a incorporação desta linha, devido a sua pureza, a sua grandiosidade e tratar-se sua linha serem anjos, porem tudo passa por Oxalá e é onde encontramos nosso ponto de equilíbrio, onde reequilibramos nossa forças.

Dia: domingo.

Comida: Canjica branca com mel, Canjica branca com mel e clara de ovo, Inhame amassado com mel, Uvas, Mamão, Pêra, Maça, pão.

Reino: Campos abertos

Bebidas: Vinho tinto, Água, Leite, etc.

Flores: Todas na tonalidade branca sempre.

                    

OXOSSI

É o caçador da mata fechada, o caçador de almas, o médico do espaço, o abre caminho, sincretizado com São Sebastião.

Sua energia vem da flora e da fauna do planeta, onde existe o verde é lá que encontramos Oxossi.

As entidades que pertencem a esta linha apresentam-se como caboclos e caboclas. Senhor das matas e da caça.

Oxossi é chefe na linha dos caboclos.

Detentor da sabedoria nas folhas da Jurema, Oxossi é o orixá do trabalho (empregos) e da linha da cura.

Muitos caboclos trabalham nessa linha, pelos seus conhecimentos contra as doenças terrenas.

Por ser caçador, também é conhecido por suas vitórias contra as demandas.

Dia : Quinta feira.

Comida: frutas (todas não acidas), raízes (todas), Axoxô, Milho, feijão fradinho...

Reino: Matas.

Bebida: Sumo de suas ervas, vinho tinto suave, vinho licoroso.

                  

 

OGUM

 

Senhor do ferro e da guerra, considerado por todos o Guerreiro da Umbanda, sicretizado com SÃO JORGE.

Ele é o Senhor da guerra, indomável e imbatível defensor da lei e da ordem, defende os fracos e os que estão em demanda.

Ogum também é considerado o Senhor dos caminhos. Ele protege as pessoas em locais perigosos, dominando a rua com o auxílio de Exu.

Sua energia vem dos caminhos (todos), portanto onde há caminho encontramos Ogum.

A linha de ogum se divide em 21 falanges:

•Ogum Beira Mar;                           * Ogum Da Lua; •Ogum Iara;                                   * Ogum Das Pedreiras; •Ogum de Lei;                                * Ogum Menino;

•Ogum Matinata;                            * Ogum Humaitá; •Ogum Marinho;                             * Ogum Rompe Mato •Ogum de Ronda;                           * Ogum Megê •Ogum Sete Ondas;                        * Ogum Naruê     

Comida: Inhame cozido ou assado, feijão preto, fava rajada (vermelha), miúdos de boi, miúdos de porco

. Bebida: Cerveja branca, sumo de espada de São Jorge (só para entrega).

Reinos: Estrada todas (principal), mar, rio, cachoeira, ao redor do cemitério, astros, pedreiras, matas, portas de casa de caridade .

Dia: Terça feira.

                          

 

XANGÔ

 

Deus dos trovões, e dos raios, justiceiro, odeia a injustiça, e a falsidade – sincretizado com SÃO JERÔNIMO, SÃO JOÃO BATISTA E SÃO PEDRO.

É o portador de imensa sabedoria, equilíbrio e principalmente de justiça.

É a ele que os ofendidos, os humilhados, recorrem em busca de reparo, aqueles que procuram descobrir a verdade recorrem a XANGÔ, favorece a promoções e a procura de trabalho. Nos casos de calúnia e falsidades faz justiça.

Todos os nossos pedidos (pra qualquer linha), antes passa pelas mãos de Xangô.

Xangô se subdivide em:

Xangô Agodô: É o juiz, ele quem dá a sentença, É a razão. 

Xangô Caô: Advogado de defesa e acusação, é ele quem estuda, analisa os prós e contras, ele quem compara, É a emoção.  

     Xangô Agojô: É ele quem executa, o carcereiro, prende ou solta, É a ação.               

Dia: Quarta feira. Bebida: Cerveja preta, sumo de suas ervas, vinho branco.

Reino: Pedreiras, cachoeiras, campo aberto.

Comida: Amalá (farinha amarela, quiabo, dendê), Agebô (quiabo batido na água ou no vinho branco), Quiabo frito ou misturado no dendê, cara (cozido ou cru), Camarão na moranga.

                      

 

IEMANJÁ

 

Rainha dos mares, mãe acolhedora, sincretizada com NOSSA SENHORA.

 A extensão do carinho e afeto de Iemanjá é enorme, igualado a extensão do reino que mora e ocupa: o mar.

Iemanjá representa a força materna da proteção, o balsamo, a limpeza, o conforto, o equilíbrio.

Dona de todos os Oris, é Iemanjá quem entrega os filhos aos respectivos orixás.

Seu nome em Ioruba é Yamanju, mãe dos peixes.

Dia: Sábado. Bebida: Champanhe branca, Água pura, Sumo de suas ervas.

Reino: Mar.

Comida: Todos os peixes de água salgada, Canjica branca com mel ou azeite doce, arroz papa puro ou com mel e coco ralado (apade) ou com camarão seco e azeite doce, Manjar branco com mel, frutas doces como mamão, uvas, maças, morangos etc.

                      

 

IANSÃ

 

Senhora dos Raios e Tempestades, sincretizada com SANTA BÁRBARA. De todas as Iabás, Iansã é a orixá mais guerreira, a que parte pra luta, que trás mudanças rápidas, tira o carrego,  é a que possue as mesmas energias tanto de Oxossi, como Ogum e Xangô e ainda consegue ser feminina, forte, segura e determinada.

Tem sob seu comando os Eguns, que são por ela dirigidos, guiados, orientados.

É muito conhecida como Oyá.

Dia: Quarta feira Bebida: Champanhe branca, água de chuva, sumo de suas ervas.

Reino: Bambuzal, Cruzeiro do cemitério, Alto de cachoeiras. Comida: Acarajé, feijão fradinho com dendê, fava rajada com dendê, Cebola em rodelas no dendê, inhame cozido, pipoca estourada no dendê,

                       

 

Nanã

 

É a vovó da Umbanda, sincretizada com SANTANA. Nanã é o renascimento, é mudança, o começar de novo,quando precisamos recomeçar, mudar é a ela que devemos pedir.

Dona da transição entre a morte e o renascimento

Dia: Sábado.

Bebida: Champanhe branca, água de mina, água de nascente, sumo de suas ervas.

Reino: Limo, barro, nascentes, minas.

Comida: Farofa de pipoca com amendoim, berinjela, batata doce com mel. 

 

                        

 

 

OXUM

Deusa do amor, protetora das crianças, rainha das águas doces, e das cachoeiras, onde usa suas energias para limpeza de nossos corpos energeticamente. sincretizada com Nossa Senhora da Aparecida e nossa Senhora da Conceição. É a mãe dos sentimentos, sua força está no equilíbrio dos nossos sentimentos, além de ser a deusa do ouro (material e espiritual). Dia: Sábado Reino: Cachoeiras, Rios, Lagos.

Bebida: Champanhe branca, Sumo de suas ervas. Comidas: Omulucum, Batata doce, Arroz papa, Melão,banana ouro, banana prata.  

 

 


         

 

 

IBEJI

 

 

 Representa o espírito das crianças, essa linha emana alegria, pureza e principalmente a ingenuidade infantil. É a linha mais pura, mais simples, que necessita de pouco para trabalhar, mas que devido a sua pureza, um trabalho (de uma bala) feito por eles ninguém desmancha. A sua forma de trabalho é através das próprias brincadeiras que esta linha manifesta em terra. Dia: Domingo.

Reino: Jardim Bebida: Guaraná, Água com açúcar. Comida: Doces em geral, Mingau, manjar.

                        

 

OSSÂE 

 

Senhor das folhas, do conhecimento das Plantas Medicinais.

                        

 

OMULU / OBALUAIÊ

 

Senhores das doenças e donos da terra (solo), sincretizados com SÃO LÁZARO e São Cipriano.

Omulu rege os cemitérios e Obaluaiê as praias. 

Sempre que nos dirigirmos a eles devemos pedir que levem nossas doenças embora e nunca devemos pedir a cura, pois eles são donos da doença e não da cura que é posse de oxossi.

Dia: Segunda feira.

Reino: Omulu: cemitério, Obaluaiê: praias.

Bebida: Aruá, pinga, vinho, água.

Comida: Pipoca estourada na areia, feijão preto torrado.

                        

Exu

 

São o povo da rua, é quem leva o recado para os Orixás, ou melhor, são aqueles que vão na frente (que na verdade fazem todo o trabalho), existem exus de todos os reinos e pra todos os tipos de trabalhos, por exemplo para abrir caminho tem o exu abre caminho, quebra demanda tem o exu quebra demanda, para amor existe o exu do amor, etc.

São capangueiros de nossos guias, o que nos faz entender que são eles os mais próximos de nós e conhecedores de nossas necessidades.  

                        

Pomba Gira

Espíritos especificamente femininos, donas da sedução e da sexualidade.

  Tem sua elevação igual a dos exus, porém são totalmente voltadas as energias da carne e do corpo, por esse motivo não possuem condições pára serem capangueiras. 

Diferentes das Exus-fêmeas, que são espíritos que se voltaram especificamente para as energias da linha de exu.

                     

 

Exu-Mirim

 

 Espíritos que se manifestam sob a forma infantil que em uma de suas encarnações, desencarnaram sem o batizado ou se perderam em vícios ou possuidores de má índole. 

Hoje manifestam-se para evolução de seus espíritos.

Para esta linha (exu, pomba gira, exu mirim).

Dia: Segunda feira.

Reino: Todos Bebida: Pinga, Vinho tinto, Wiskh, Champanhe rose, guaraná com pinga, cerveja.

Comida: farofa, carne.

 

O video acima faz referencia a Dança de cada orixá.

 

  saiba  mais....

As 7 Linhas das Umbanda:

A UMBANDA é dividida em linhas.

Cada uma delas com um chefe, um Orixá que a comanda.

E cada linha é dividida em falanges: As linhas representão os grupamentos dos Orixás e seus falangeiros que atuam dentro da Umbanda.

 

Não Perca a Fé

 

Diante da tristeza, da dor, da solidão...

Venha lá o que vier

Não perca a Fé.

Na doença, no desamor, em qualquer dificuldade,

Seja lá o que de ruim for

Recupere e sustente sua fé com amor.

Nada é pior que se entregar ao desânimo,

Ao desalento, a depressão,

Ficar parado, ou desistir.

Viver é prosseguir!

É ir em frente!

É também passar por sofrimentos ou desgraças, sim,

Mas tendo em mente que o fim de tudo vem pra toda gente

Afinal, até mesmo a própria vida tem fim de repente!

 

 

 
 
 
 
.